TOP 8 ALIMENTOS DE NOVEMBRO

Acabou o ano! #SQN Ainda temos dois meses até chegar 2020 e, com o início do verão, precisamos prestar mais atenção nos alimentos e na forma que os consumimos. Separamos alguns deles que, nesta época do ano, são encontrados com mais facilidade, estão com melhores preços, apresentam-se na melhor qualidade nutricional. O Abacaxi-Pérola e a Melancia são ótimas frutas para serem consumidas nestes dias quentes e manter o corpo hidratado.

Confira oito alimentos para você consumir durante o mês de novembro:


Frutas de novembro

  • Abacaxi pérola
  • Caju
  • Melancia
  • Pêssego

Caju
Uma das frutas símbolo da tropicalidade brasileira, o cajú se destaca pela quantidade de vitamina C. A fruta também contém zinco, que desempenha um papel vital no fortalecimento do sistema imunológico
contra infecções e na cicatrização de feridas, e é extremamente importante durante a gravidez para o crescimento da criança. E, para completar, ainda tem ferro e cálcio, minerais eficazes de combate à
anemia e fortalecimento dos ossos.
O adocicado e o perfume desta fruta combinam tanto em preparos de sobremesas como compotas, doces, sucos, como também podemos aproveitar sua “carne” de outras formas, já que é uma ótima opção para preparar refogados, molhos, moquecas. O fruto combina bem com temperos comuns na nossa cozinha: sal, alho, cebola, tomate, pimentão, pimenta, coentro, limão, leite de coco e etc. Pode-se fazer um bom refogado, juntar os pedacinhos de caju e deixar cozinhar um pouco, com água ou leite de coco. No final, umas folhas de coentro, umas gotas de limão e vai quentinho pra mesa pra comer com arroz.


Legumes de novembro

  • Tomate cereja
  • Taquenoco (broto de bambu )
  • Feijão corado
  • Berinjela comum

Feijão corado
O feijão corado é um tipo de feijão tradicional na culinária brasileira, principalmente nordestina. Seu nome científico é vigna unguiculata, mas é popularmente chamado de feijão-caupi, feijão-de-corda, feijão-fradinho, feijão-miúdo, feijão-frade ou feijão-macáçar. Geralmente é vendido nos
mercados em forma de vagem e é preciso abri-las para separar os grãos. Geralmente há cinco grãos de feijão em cada vagem.
Grande aliado da saúde, é umas das melhores fontes vegetais de ferro que age diretamente no combate à anemia. É fonte de vitaminas B1, B2, B3 e B9 que colaboram para o bom funcionamento do sistema nervoso. É rico também em proteínas e minerais como potássio, fósforo, cálcio, cobre, zinco, magnésio e lisina. Além disso possui muitas fibras e apresenta poucas calorias e gordura, portanto, que tal diversificar e colocar esse tipo de feijão em seu prato?

 

*Fonte: CEAGESP

 

 

Outros Posts ONG BANCO DE ALIMENTOS

rony-meisle-e-alexandre-birman_1_33666

Estado de Minas – Gestão com propósito

Em entrevista ao jornal Estado de Minas (04/09), Rony Meisler, cofundador do Grupo Reserva e CEO da AR&Co, destaca o projeto 1P5P de combate à fome, desenvolvido com a ONG…
crianças

OBA e escolas juntas para um mundo mais sustentável.

 ONG Banco de Alimentos mobiliza crianças e jovens nas escolas para atividades relativas ao Dia Mundial da Alimentação, em 16 de outubro.   811 milhões de pessoas vivem em estado…
EnglishPortuguese