ECOA / UOL – Vender alimentos fora da validade é uma boa ideia contra o desperdício?

Luciana Chinaglia Quintão, presidente da ONG Banco de Alimentos, participa de reportagem do portal ECOA / UOL, que debate a questão da data de validade dos alimentos. A Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (Abia) propõe uma nova abordagem em relação ao conceito de data de validade para alimentos não perecíveis, sugerindo que a data permaneça na embalagem, mas indicando que o consumo deve ocorrer preferencialmente — e não obrigatoriamente — até aquele dia. Isso porque, segundo a Abia, o fim do prazo não significa necessariamente que o alimento não possa mais ser consumido.

Para Luciana, a medida é positiva: “Acho que permitir que os produtos ainda sejam vendidos e gerem lucro é um fator que também conta para a proposta, mas, antes de tudo, é sobre não jogar fora alimentos que ainda estão dentro de uma qualidade nutricional. E eles são tratados como lixo, quando não são. Poucas indústrias ainda doam os seus alimentos como deveriam, quando passam do prazo de validade. A maioria apenas descarta. Então, tudo isso faz parte de uma tomada de consciência muito necessária para a época que a gente vive”.

Luciana destaca que “é muito importante indústrias e comércio doarem a maior quantidade possível de alimentos. Algo doado de uma data próxima ao ‘best before’ (‘de preferência antes de’), é muito digno. Não vejo como apenas uma forma de ‘dar comida vencida aos pobres`”.

Luciana alerta, porém, para a necessidade de certos cuidados: “É preciso ficar claro para quais produtos essa medida se aplica e definir o prazo possível de comercialização passada a data ‘best before’. Mas o malefício será se esperarem até não ser mais possível doar em tempo hábil para consumo e a comida acabar indo parar no lixo de qualquer maneira.”

Leia mais em: https://www.uol.com.br/ecoa/ultimas-noticias/2021/12/09/vender-alimentos-fora-da-validade-e-uma-boa-ideia-contra-o-desperdicio.htm

Outros Posts ONG BANCO DE ALIMENTOS

drasticamente. (1)

Apoio ao combate à fome caiu drasticamente.

Com a flexibilização de medidas da pandemia e a vinda das eleições, pouco se falou sobre o tema fome e a consequência disso foi a drástica redução de doações. Diante…

Arrecadação Outubro

  Ao longo do mês de outubro, mais de 25 no mil pessoas em situação de vulnerabilidade social foram beneficiadas pela entrega de mais de 127 toneladas de alimentos. Na…
arrecadação setembro

Arrecadação Setembro

Ao longo do mês de setembro, mais de 28 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social foram beneficiadas pela entrega de mais de 75 toneladas de alimentos. Foram distribuídas 914…
EnglishPortuguese