Comidas preciosas

Conheça a campanha Comidas Preciosas e entenda a importância de manter ativas as doações de alimentos.


Nos últimos três anos, em função da pandemia de Covid-19 e da disparada da inflação no Brasil, os alimentos subiram 45,35% de preço. Com isso, os índices de insegurança alimentar e extrema pobreza cresceram muito, fazendo com que milhares de brasileiros não tenham o que comer diariamente.


Em contrapartida, também impactada pela queda de poder de compra das famílias, o percentual de doações de alimentos despencou em 80%. Esse quadro é temível e exige a tomada de medidas urgentes para que a situação se reverta e, quem hoje passa fome, consiga passar a se alimentar com pelo menos três refeições diárias.


Por isso, a ONG Banco de Alimentos criou a campanha Comidas Preciosas, com o objetivo de chamar a atenção da população sobre os dados mais recentes da fome no país, em busca de uma expressiva alavancada no número de doações. Na campanha, alguns dos alimentos que tiveram maior índice de aumento foram transformados em joias de prata e estas foram apresentadas a formadores de opinião de todos os setores, que tiveram a oportunidade de falar da campanha para suas audiências e aumentar ainda mais as chances de engajamento da população. Confira o vídeo oficial da campanha Comidas Preciosas clicando aqui. Confira também a fala de Ana Maria Braga sobre a iniciativa em seu programa, clicando aqui.


As joias não estão à venda e servem apenas como estímulo visual para a conscientização da sociedade e mobilização em prol da doação de alimentos para quem não tem o que comer. Saiba como você ou sua empresa podem doar clicando aqui.


A ONG Banco de Alimentos faz esse trabalho há 25 anos, coletando alimentos de centros de distribuição, mercados e repassando-os a instituições beneficentes parceiras, que entregam os alimentos para as famílias necessitadas. No último mês de maio, por exemplo, foram arrecadadas 145 toneladas de alimentos. Destas, 133 toneladas vieram da colheita urbana (alimentos em bom estado doados por empresas e produtores rurais que deixaram de ir para o lixo e foram reaproveitados em entidades assistenciais) e 12 toneladas de cestas básicas e cartões de alimentação doados por empresas e pessoas físicas, distribuídas nas entidades e comunidades assistidas.


Faça parte da mudança e contribua ativamente para a erradicação do desperdício de alimentos e da fome no Brasil. Clique aqui para fazer parte dessa luta com a gente!

Outros Posts ONG BANCO DE ALIMENTOS

Instagram1

Inscrição para novas entidades sociais

A ONG Banco de Alimentos está selecionando novas entidades sociais para compor seu time de organizações assistidas no programa de Colheita Urbana. COMPETÊNCIAS DA ONG Banco de Alimentos I- Distribuir…
oba_bancodealimentos_receita_

Torta Integral com Casca e Talos de Legumes

INGREDIENTES Recheio: 1 cenoura com casca; 1 abobrinha italiana com casca; ½ brócolis comum com talos e folhas; 1 cebola grande; 2 dentes de alho; 1 colher (sopa) de azeite…
Banne_Massa ao molho pesto de ramas de cenoura

Massa ao molho pesto de ramas de cenoura

INGREDIENTES: Ramas de 4 cenouras1 maço de manjericão150 ml de azeite1 dente de alhoParmesão ralado a gostoSal a gostoPimenta do reino a gosto500g de macarrão parafuso   MODO DE PREPARO:…